Alfa e Beto Soluções disponibiliza gratuitamente aplicativo pedagógico “Flui – A Cidade das Palavras” durante pandemia do novo coronavírus

Objetivo do jogo é desenvolver a fluência de leitura de maneira lúdica por meio de atividades que vão apresentando maior dificuldade de acordo com a evolução dos usuários.

1691
coronavírus - aplicativos

Desenvolvido pela Alfa e Beto Soluções, o aplicativo “Flui – A Cidade das Palavras” é um jogo digital que tem como objetivo promover o desenvolvimento da fluência de leitura. O aplicativo é destinado a crianças recém-alfabetizadas e está disponível para ser baixado gratuitamente em smartphones ou tabletes durante a pandemia do novo coronavírus.

O jogo conta com diversas atividades de trava-língua, palavras cruzadas e exercícios de leitura em voz alta, além de trazer um mecanismo para avaliar em que nível a criança se encontra em velocidade de leitura e número de erros.

De acordo com o presidente do Instituto Alfa e Beto, João Batista Oliveira, ter fluência de leitura é ler bem, sem errar e com a entonação adequada. “É importante que a criança aprenda a modular a voz, além der ler com ritmo. Essa habilidade é o veículo que a permite compreender a partir daquilo que está lendo”, explica.

As habilidades que o jogo desenvolve incluem identificar automaticamente palavras cada vez maiores, ler palavras desconhecidas com velocidade crescente, gravar padrões visuais como prefixos e sufixos, e ler textos cada vez maiores mantendo a entonação com variação de velocidade. O aplicativo traz uma história lúdica para o aluno acompanhar, disputar desafios e se tornar o locutor do telejornal da TV Flui.

O jogo se passa em diferentes locais da cidade da cidade de Flui: banco, correio, parque, estádio, armazém, café, condomínio, ferrovia, emissora de TV e aeroporto. Ao todo, são 21 desafios diferentes que trabalham as habilidades necessárias ao desenvolvimento da fluência de leitura.

Todas as atividades têm um tempo definido. Quando o jogador não consegue finalizar o desafio dentro do tempo previsto, o jogo é finalizado (o tempo acabou ou as vidas acabaram) e ele deverá repetir o desafio.

Quando a criança erra, o jogo o alerta e registra o erro no quadro de controle. A sequência entre desafios é de escolha do aluno, já que os exercícios apresentam habilidades diferentes e independentes.

O objetivo do jogo é que a criança atinja, no mínimo, o nível de fluência esperado para o ano escolar que frequenta. Para isso, é recomendável jogar pelo menos 20 a 30 minutos no mínimo com a frequência de três vezes por semana ao longo do ano letivo.

O “Flui” é indicado principalmente para crianças de seis a oito anos, mas pode ser utilizado até o 5º ano, quando se espera que o usuário leia de 130 a 140 palavras por minuto. Entretanto, o aplicativo oferece vários jogos divertidos para todas as idades.

Clique aqui para baixar o aplicativo “Flui – A Cidade das Palavras” gratuitamente