Em parceria com o Instituto Alfa e Beto, município de Pão de Açúcar (AL) inicia avaliação diagnóstica de cerca de 3 mil alunos

732

O município alagoano de Pão de Açúcar está realizando entre os dias 13 de 23 de julho a avaliação diagnóstica de cerca de 3 mil alunos do 2º ao 9º ano. Recursos essenciais para a elaboração de um bom planejamento da volta às aulas após a pandemia de covid-19, os testes foram desenvolvidos pelo Instituto Alfa e Beto.

Os resultados podem ser estratificados em vários níveis, proporcionando ao gestor uma análise de cada aluno, turma, escola e da rede inteira. A ferramenta avalia os alunos em relação aos conteúdos de Matemática e Língua Portuguesa.

João Batista Oliveira explica a importância da avaliação diagnóstica no contexto da volta às aulas

Uma das vantagens da ferramenta de diagnóstico lançada pelo Instituto Alfa e Beto é que ela pode ser implementada em lugares sem acesso à internet e com professores pouco familiarizados com o uso de tecnologia – realidade não incomum na rede pública de ensino.

Para Adriana Souza, secretária municipal de educação de Pão de Açúcar, os testes do Instituto Alfa e Beto constituem um “importante instrumento” para a volta às aulas presenciais da rede de ensino. “Vamos saber em que situação se encontra o nível de aprendizado de cada aluno. Com isso, poderemos organizar nossas ações nessa retomada das aulas pós-Covid”, explicou.

Município de Cachoeirinha (RS) realiza avaliação diagnóstica desenvolvida pelo Instituto Alfa e Beto em cerca de 2 mil alunos do 1º e 2º anos

Após a realização dos testes, o município receberá relatórios com os resultados e sugestões de ações.

De acordo com Rosália de Farias, coordenadora de gestão da secretaria, a parceria com o Alfa e Beto contribui para o fortalecimento dos números da educação na cidade.

“Buscamos a expertise do Alfa e Beto na intenção de diagnosticar nossas crianças da melhor forma possível nesse tão aguardado retorno para a escola. Esse movimento é motivo de muita esperança para que nossas crianças tenham um futuro melhor e promissor”, comemorou.

As avaliações desenvolvidas pelo Instituto Alfa e Beto são baseadas nas habilidades da BNCC. Saiba mais sobre elas AQUI.