Como a fluência de leitura está relacionada à compreensão de textos?

Pesquisa mostra através de estudo com alunos do 2º ao 4º ano que uma boa fluência em leitura implica em melhor compreensão textual

156
nobel de economia

Alunos que têm fluência em leitura tendem a compreender melhor o conteúdo de textos. É o que mostrou um estudo realizado pelo presidente do Instituto Alfa e Beto, João Batista Oliveira, e pela pesquisadora da mesma instituição, Isabella Starling.

O estudo – publicado pela Associação Brasileira de Linguística (ABRALIN) – investigou como a fluência em leitura está associada à habilidade de compreender o que se lê e concluiu que existe uma associação evidente entre fluência em leitura e compreensão de frases.

A pesquisa foi realizada com alunos do 2º ao 4º ano, que foram submetidos a duas tarefas: completar um exercício de fluência em leitura e completar outro de compreensão de frases.

Na tarefa de fluência, os alunos leram um texto em voz alta e observou-se quantas palavras eles liam em um minuto, bem como a quantidade de erros cometidos. Essa tarefa foi aplicada individualmente.

Já na tarefa de compreensão, os estudantes leram – em voz baixa e sem apoio – uma frase incompleta. Depois, escolheram qual alternativa completava melhor a frase dentre cinco opções.

Diante do resultado dos testes aplicados, os especialistas observaram que houve uma associação entre fluência em leitura e compreensão de texto. Ou seja: os alunos com melhor fluência em leitura também compreenderam melhor as frases que leram.

Assim, o estudo sugere que o estímulo da fluência em leitura através da prática extensiva pode auxiliar no desenvolvimento da compreensão de leitura.

Confira o estudo completo: https://cadernos.abralin.org/index.php/cadernos/article/view/631