Loading...

Blog

Cerquilho (SP) e Sapiranga (RS): investindo na gestão da aprendizagem

O novo currículo norteou a escolha dos novos materiais de ensino estruturado, usados na rede.

Conheça a história de Cerquilho, São Paulo, e Sapiranga, no Rio Grande do Sul, e as práticas que estão transformando a educação dos municípios. Cerquilho e Sapiranga, e seus prefeitos Antonio Del Ben Jr e Corinha Beatris Ornes Molling, respectivamente, receberam Menção Honrosa do Prêmio Prefeito Nota  10, uma iniciativa pioneira do Instituto Alfa e Beto que visa identificar e premiar municípios com alto grau de municipalização de qualidade no Ensino Fundamental.

Confira:

Sapiranga (RS) e Cerquilho (SP), ganhadores de menções honrosas como os municípios com melhor desempenho educacional, respectivamente, nas regiões Sul e Sudeste associam o início do êxito à adoção de programas de ensino estrutura- do, combinado com apoio aos professores para o seu uso, bem como planejamento coletivo do trabalho, feito a partir de ava- liações e diagnósticos externos.

As redes de ensino contaram, desde o início há 15 anos, com assessoria das instituições responsáveis pela implantação do programa de ensino estruturado, que se incumbiram também de introduzir mecanismos de gestão da aprendizagem. Estes mecanismos permitem a análise constante da eficácia das ações empreendidas, com as decorrentes correções de rumo em cada escola, em cada classe.

A consultoria externa também incentivou a contratação de coordenadores pedagógicos em todas as escolas e a intensificação da presença da equipe da Secretaria de Educação dentro das escolas, acompanhando o trabalho diário e a evolução dos resultados. Foram definidas claramente as funções. Hoje, as redes de ensino são como tecido vivo, cujo bom funcionamento vem resistindo às mudanças no comando político dos municípios.

Em Sapiranga, o uso de materiais de ensino estruturado teve início em 1997, com a adoção dos programas de correção de fluxo. Foi a partir dessa consultoria que cada escola passou a ter um coordenador pedagógico e os supervisores da Secretaria intensificaram suas visitas a cada uma delas.

Passaram igualmente a ser usados instrumentos de gestão, como planilhas de controle de faltas, lições e avaliações de cada aluno. As planilhas permitem mapeamento claro dos problemas, orientando as recuperações do contraturno, atividades em sala de aula e ativas campanhas de combate às faltas. “A rede de ensino cresceu muito, mas não perdemos qualidade”, diz a prefeita de Sapiranga, Corinha Molling.

No caso de Cerquilho, foi elaborada, ao longo de 2012 e 2013, a nova Pro- posta Curricular. Adotada em caráter experimental no ano passado, sofreu ajustes antes de ter publicada sua versão definitiva.

O novo currículo norteou a escolha dos novos materiais de ensino estruturado, usados na rede. A Secretaria de Educação assumiu a realização de avaliações externas, que passaram a ser na forma de simulados baseados na Prova Brasil. A prática coletiva de planejamento semestral das atividades se estendeu para incluir do berçário até as séries finais, com orientadores específicos para cada nível. “Éramos oposição e reconhecíamos que Cerquilho vinha com qualidade crescente na educação. Mantivemos o que deu certo.”, diz Antonio Del Ben Júnior.

Comente

Deixe uma resposta



Fique bem informado

Receba novidades do Alfa e Beto no seu e-mail.