Professores João Batista Oliveira e Pedro Caldeira participam de conferência no canal de YouTube da Abralin sobre erros, concepções equivocadas e ensino da alfabetização

Para o presidente do Instituto Alfa e Beto, o evento promovido pela Abralin pode ser visto como “um convite ao diálogo e ao debate sobre um tema que afeta a vida de todo mundo".

1453
tres crianças em sala de aula, um menino e duas meninas
tres crianças em sala de aula, um menino e duas meninas

Conferência da Abralin Debate Alfabetização: Erros, Concepções Equivocadas e suas Consequências

No dia 2 de junho, a Associação Brasileira de Linguística (Abralin) promoveu uma importante conferência on-line, transmitida pelo canal oficial da Associação no YouTube. Com o tema “Alfabetização: erros, concepções equivocadas e suas consequências para o ensino”, o evento contou com a participação de destacados especialistas: o professor João Batista Oliveira, presidente do Instituto Alfa e Beto, e o professor Pedro Caldeira, da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. A moderação ficou por conta de Eduardo Calil, pesquisador da CNPQ e coordenador do Laboratório do Manuscrito Escolar, da Universidade Federal do Alagoas.

Objetivos e Temas Abordados

Inicialmente, a iniciativa teve como objetivo central debater com profissionais da área de linguística e ensino da Língua Portuguesa as concepções equivocadas que ainda persistem no campo da alfabetização no Brasil. Os palestrantes destacaram a necessidade de revisar criticamente falhas no discurso que fundamenta a proposta construtivista para a alfabetização, como a noção de “psicogênese da escrita” e o conceito de “letramento”, que aborda a alfabetização a partir de uma dimensão social e política.

Destaques da Palestra

Durante a conferência, João Batista Oliveira e Pedro Caldeira enfatizaram cinco pontos principais que caracterizam os erros e concepções equivocadas na alfabetização:

  1. Erro conceitual na abordagem do Whole Language.
  2. Deslocamento de conceito relacionado à Psicogênese da Língua Escrita.
  3. Abuso da linguagem nos PCNs e na BNCC.
  4. Erro conceitual no contexto de textos autênticos afetando a produção de livros didáticos.
  5. Conceito de letramento e suas implicações abrangendo os tipos de erros mencionados.

Por outro lado, João Batista Oliveira destacou que o evento promovido pela Abralin representa “um convite ao diálogo e ao debate sobre um tema que afeta a vida de todos. Mesmo que com atraso, é necessário que se inicie a implementação do conhecimento científico na área de alfabetização”. Portanto, ele também chamou atenção para a interpretação equivocada dos conceitos de alfabetização e letramento, salientando que essa confusão tem prejudicado a prática da alfabetização no Brasil.

Além disso, Pedro Caldeira focou sua apresentação no conceito de letramento, explicando que “se a alfabetização não for bem feita, as correspondências sistemáticas entre grafema e fonema não serão construídas adequadamente, o que dificultará todo o processo de letramento”. Sendo assim, ele defendeu que a alfabetização deve ser realizada de forma precisa para garantir a eficácia do letramento.

Assista à Conferência na Íntegra

Para quem deseja assistir à conferência completa com os professores João Batista Oliveira e Pedro Caldeira, o vídeo está disponível aqui. Do mesmo modo, o evento já foi visualizado por mais de 2,3 mil pessoas, com ativa participação da audiência através de perguntas e comentários.

Sobre o Evento Abralin ao Vivo

Em meio ao isolamento social devido à pandemia do coronavírus, o “Abralin ao Vivo – Linguistas Online” tem o objetivo de manter o intercâmbio de ideias entre pesquisadores, apoiando ações técnicas e decisões políticas baseadas em conhecimento científico. Sendo assim, o evento conta com uma agenda diária de conferências e mesas-redondas, apresentando importantes nomes do cenário nacional e internacional. Todavia, as transmissões são realizadas em uma plataforma interativa, com espaço para perguntas do público.

Matéria na Gazeta do Povo

Ademais, a jornalista Isabelle Barone, da Gazeta do Povo, acompanhou a conferência e produziu uma excelente matéria sobre o evento. Você pode conferir a matéria completa aqui.

Portanto, não perca a oportunidade de se atualizar e participar dos debates sobre alfabetização no Brasil através dos eventos promovidos pela Abralin.